Notícias Opiniões Segurança Moto Clubes Pilotos Eventos Desporto Esc. Condução IPO Área Reservada 
Sat, 23 Jun 2018
Entrada
Atrelados
Automóveis
Bicicletas
Motos
Viaturas Usadas
Emprego
 
 
PT MCoutinho Esso vence PT/Rali de Portugal

Mex Machado dos Santos com o ceptro

A dupla da MCoutinho Esso, Mex Machado dos Santos/Paulo Babo saiu vitoriosa na segunda prova pontuável para a Fórmula 206, o PT/Rali de Portugal depois de uma excelente prestação ao logo de todo o dia. Os outros dois pilotos da equipa tiveram sortes diferentes com Jorge Castanheira/Luís Costa a concluírem a prova no quarto posto e Casimiro Costa/Duarte Castro no 11º.

Mex Machado dos Santos sofreu ao longo do dia com o muito pó que os seus adversários deixavam nos troços, motivo pelo qual decidiu durante a manhã penalizar, e em vez de sair um minuto após o concorrente à sua frente, optaria por sair dois minutos depois, penalizando mas garantindo menos pó durante o seu percurso. Os troços da tarde correram de feição e Mex saltou para a liderança da Fórmula 206: “Estou muito satisfeito e quero dedicar esta vitória a toda a equipa, aos patrocinadores e ao Paulo Babo que teve uma semana difícil. De manhã fomos muito prejudicados pelo pó, partimos um amortecedor na segunda especial e a terceira foi neutralizada, mas durante a tarde atacámos muito e acabámos por conseguir vencer e alcançar o nosso objectivo”.

Jorge Castanheira terminou no quarto posto e tal como o seu companheiro de equipa, também a sua prestação foi condicionada pelo pó: <b>“De manhã correu tudo bem apesar da poeira e estávamos no terceiro lugar, mas logo na primeira especial da tarde, um adversário furou e numa atitude menos correcta não me facilitou a passagem, o que me obrigou a perder muito tempo e a posição em que me encontrava. Foi uma pena, pois poderíamos ter terminado melhor classificados, no entanto o quarto lugar não é um mau resultado”.

Já Casimiro Costa, viria a sua prova afectada por um furo que o remeteu para o último lugar do pelotão: “Estava tudo a correr bem até ao momento do furo pois não conseguimos usar o macaco e tivemos de encontrar um desnível para poder mudar a roda, o que fez com que perdêssemos cerca de 11 minutos. Foi pena mas os ralis são assim. Agora já só pensamos na próxima prova”.

Para António Jorge, Director Desportivo da MCoutinho Esso: “Foi uma prova espectacular para o Mex, que teve muita força mental e paciência na primeira ronda e atacou fortíssimo na segunda e conseguiu passar para a liderança. Estou contente por toda a equipa e patrocinadores. O Jorge Castanheira podia ter ficado um lugar à frente não fosse aquele problema na ultrapassagem de um adversário parado no troço e o Casimiro Costa podia ter ficado nos seis primeiros não fosse o furo. Estamos satisfeitos com a prestação da equipa, que apesar de alguns azares mostrou muito profissionalismo” concluiu.

Classificação Fórmula 206 no PT/Rali de Portugal:
1.º “Mex” Machado dos Santos/Paulo Babo, 1h43m05,0s; 2.º António Rodrigues/Jorge Carvalho a 34,3s; 3.º Paulo Antunes/Jorge Amorim, a 2m22,3s; 4.º Jorge Castanheira/Luís Costa a 3m35,0s; 5.º Paulo Louro/Fernando Miguel, a 3m52,2s; 6.º Francisco Barros Leite/Carlos Ruivo a 5m06,4s; 7.º António Monteiro/Paulo Santos a 6m35,8s; 8.º Pedro Clarimundo/António Conde a 7m46,9s; 9.º Ricardo Teixeira/Hugo Rodrigues, a 8m14,9s; 10.º Alexandre Camacho/Jorge Gonçalves, a 15m28,9s; 11.º Casimiro Costa/Duarte Castro a 17m33,6s.

Classificação Fórmula 206 após o PT/Rali de Portugal
1.ºs Paulo Antunes e António Rodrigues, 16; 3.º Jorge Castanheira, 11; 4.º “Mex” Machado dos Santos, 10; 5.º Casimiro Costa, 6; 6.ºs Pedro Clarimundo, António Monteiro e Paulo Louro, 5; 9.º Francisco Barros Leite, 4; 10.ºs Ricardo Teixeira e Alexandre Camacho, 1.

DCA News, 2005-04-01
 
Pesquisar
Galerias
Freestyle Motocross Cidade Lisboa 2005
Várias Galerias
Lisboa Down Town 2005
Tiago Monteiro
PT Rally de Portugal
Lisboa Down Town
Dakar 2005
Trial Indoor 2005

W e b - d e s i g n


  A informação disponibilizada é de carácter informativo. Não tem a pretensão de ser exaustiva nem completa.
Não nos responsabilizamos por qualquer tipo de incorrecção, embora tenhamos a preocupação de ter a informação o mais correcta possível.